Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro
Página inicial > Últimas Notícias > Entidade brasileira na vice-presidência da OMT
Início do conteúdo da página

Entidade brasileira na vice-presidência da OMT

  • Publicado: Segunda, 19 de Março de 2012, 11h32
  • Última atualização em Segunda, 19 de Março de 2012, 11h32

Brasília (DF) - O Instituto Polo Internacional do Iguassu (Poloiguassu) é o mais novo membro da vice-presidência da Organização Mundial do Turismo (OMT). A entidade brasileira, voltada para o desenvolvimento do turismo na região trinacional (Brasil, Paraguai e Argentina) vai se unir a outros 22 vice-presidentes que compõem a ‘Junta Diretiva’, órgão de assessoramento da Secretaria Geral da OMT.

A ‘Junta Diretiva’ é composta por 23 membros de todo o mundo. Tem como principais funções a integração das entidades representadas e contribuir para a definição do programa geral de trabalho da OMT. A indicação do Poloiguassu para compor a vice-presidência partiu do secretário geral da OMT, Teleb Rifai, com apoio das 15 entidades brasileiras afiliadas ao organismo internacional.

O ‘Instituto Poloiguassu’, com sede em Foz do Iguaçu (PR), atua como braço técnico para estruturação do destino integrado ‘Iguassu’. É atuante também na promoção do turismo paranaense e brasileiro nos mercados nacional e internacional. Para o secretário de Turismo do Paraná, Faisal Saleh, que foi presidente da entidade, “ocupar este espaço em nome do turismo paranaense e brasileiro demonstra a maturidade e importância de nossas ações integradas”.

Entre os 15 membros afiliados brasileiros da OMT estão o Sebrae, Senac, Confederação Nacional do Comércio (CNC), Centro de Excelência em Turismo (CET) da Universidade de Brasilia, Riotur, Bahiatursa, Secretaria de Turismo de Fortaleza, além entidades de classes dos setores de alimentação, hospedagem, eventos e profissionais de turismo.

registrado em:
Assunto(s): Turismo
Fim do conteúdo da página